Sagrado vesus Secular

Posted: 8th outubro 2009 by admin in Sermões

Na minha infância e adolescência brincávamos muito de brincadeiras de grupo e uma que era sempre recorrente, principalmente quando participávamos de alguma palestra sobre comunicação era a do “Telefone Sem Fio”: Forma-se uma roda e o organizador que também está na roda, cochicha algo no ouvido da pessoa ao seu lado que tem como tarefa cochichar o que ouviu para o próximo e assim por diante. Ao final o organizador dizia em voz alta o que ele cochichou a princípio e o que ouviu do último da roda. Você nem imagina como a mensagem sofria distorções e muita vezes mudava completamente o sentido ao ser retransmitida por umas vintes pessoas mais ou menos.

O mesmo acontece com a cultura, o idioma que falamos e escrevemos, a forma como nos vestimos etc. O interessante nisto tudo é que mesmo tendo acesso à mensagem original por conta da História, não raramente o significado das palavras muda e com isto a mensagem sofre influências que a distorcem. Quero refletir sobre um exemplo: Igreja.

Uma definição encontrada no link http://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_%28edif%C3%ADcio%29 em 08/10/2009:

A palavra igreja (do grego ἐκκλησία, ekklēsía, significando “assembleia”,”convocação”) utiliza-se para descrever não apenas uma comunidade religiosa cristã mas também a construção usada para serviços religiosos públicos, dedicando-se geralmente aos do culto cristão. Outro termo para definir o edifício dedicado ao culto cristão é templo.

Hoje comumente dizemos “vamos à igreja” ou tal lugar é “perto da igreja” como se de fato “igreja” fosse um local, uma construção. Mas será que originalmente Jesus pensava em prédios, estruturas, organizações quando falava em igreja? Outro nome dado ao prédio onde acontecem as reuniões é “Templo”. Uma definição:

Templo (do latim templum local sagrado) é uma estrutura arquitetônica dedicada ao serviço religioso. O termo também pode ser usado em sentido figurado. Neste sentido, é o reflexo do mundo divino, a habitação de Deus sobre a terra, o lugar da Presença Real.

Mas tanto a definição de Igreja quando Templo, no cristianismo se referem às pessoas e não a estruturas ou organizações. Mas qual a implicação do uso incorretos destes conceitos? São várias e eu não desejo aqui discorrer sobre muitas, senão uma: A separação entre sacro e secular.

Quando chamamos um lugar de igreja ou de templo, dizemos que naquele lugar há a necessidade de reverência, respeito, pureza, santidade. Mas ao sairmos daquele lugar, ficamos isentos de levar conosco tudo aquilo que é propício a um lugar santo. Na nossa vida secular não temos a mesma preocupação com a santidade, pois segundo o conceito distorcido, a igreja ficou com endereço fixo, lá naquele prédio que uns chamam de templo e outros ousam chamar de Casa de Deus.

Mas não é isto que a Bíblia diz, ela diz que o templo somos nós e ainda adverte: (1 Cor 3)

16 Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?

17 Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo.

Há um chamado de DEUS para que retornemos à santidade e atender este chamado passa pelo entendimento claro que Igreja somos nós, Templo somos nós, culto não é um momento de reunião semanal, é uma vida dedicada a adoração. DEUS não nos vê fatiados entre sagrado e secular, DEUS nos vê como realmente somos e não aquilo que apresentamos ao nos vestirmos de “crentes” para “irmos” à igreja, pois nós não vamos, repito, nós somos igreja.

Templo (do latim templum local sagrado) é uma estrutura arquitetônica dedicada ao serviço religioso. O termo também pode ser usado em sentido figurado. Neste sentido, é o reflexo do mundo divino, a habitação de Deus sobre a terra, o lugar da Presença Real.
VN:F [1.9.12_1141]
Rating: 0.0/10 (0 votes cast)
VN:F [1.9.12_1141]
Rating: 0 (from 0 votes)
Be Sociable, Share!
  1. Suselaine disse:

    Artigo excelente!!!
    Essa é a pergunta que devo me fazer todos os dias: estou de fato e de verdade sendo templo do Espírito Santo de Deus???
    Ou somos ou não somos!!! Não existe meio termo para Ele!

    “Meus irmãos, por acaso pode uma figueira dar azeitonas ou um pé de uva dar figos? Assim, também, uma fonte de água salgada não pode dar água doce.” Tiago 3:12

    VA:F [1.9.12_1141]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.12_1141]
    Rating: 0 (from 0 votes)